Jornada Scania
Utilizamos apenas os cookies do Google Analytics para analisar nosso tráfego. Ao clicar em "Aceito", você concorda em dar seu consentimento para que todos os cookies sejam usados e as informações sejam compartilhadas com o Google Analytics.







[ Sustentabilidade ] -- 23/09/2022
[ Texto: 528 Comunicação Com Propósito / Fotos: Scania ]

Parceiros da mesma jornada

Com foco em sustentabilidade, Grupo Ambipar retoma a parceria com a Scania. Os novos caminhões movidos a gás adquiridos irão atuar na Dow e fazem parte do Corredor Sustentável, projeto do Grupo para levar soluções mais sustentáveis às operações de transporte.
Ambipar, líder em gestão ambiental e pioneira em soluções integradas para a sua cadeia de negócios. E Scania, líder na transformação do setor de transportes, para tornar o mundo das estradas, das pessoas e dos negócios mais sustentável. Se um casamento entre as duas marcas com esses propósitos daria certo? Não há dúvidas que sim!
Mais do que um casamento de sucesso, essa parceria, que acaba de ser retomada, tem um propósito ainda maior: levar a sustentabilidade para as operações de transporte de forma real, aqui e agora. Para dar esse passo, a Ambipar contará com 10 novos Scania R 410 6x2 movidos a gás natural veicular (GNV) e/ou biometano, que irão
operar em um dos clientes do Grupo, a Dow, para transportar produtos químicos em uma rota operada com o uso majoritário de GNC.
Corredor Sustentável
Os novos modelos farão parte do chamado Corredor Sustentável, um projeto da Ambipar que leva mobilidade segura e inteligente para as operações de transporte de produtos químicos para a Dow. A iniciativa está alinhada às estratégias ESG das companhias e ao objetivo de reduzir a emissão de gases de efeito estufa (GEE) em suas operações.
Já no primeiro ano de circulação dos novos caminhões, a Ambipar estima uma redução de 20% nas emissões de dióxido de carbono no Corredor. “Queremos ampliar cada vez mais nossa agenda ESG e o Corredor Sustentável chega para fortalecer este propósito. Temos sim uma meta robusta, que é ter 100% da nossa frota de veículos com matriz energética mais limpa até 2040. Com a ajuda de nossos parceiros, vamos agir de forma consciente e eficiente, além de impulsionar uma grande transformação no setor logístico e gerar impacto positivo para o meio ambiente”, afirma Hélio José Branco Matias, Diretor na Ambipar.
Com a ajuda de nossos parceiros, vamos agir de forma consciente e eficiente, além de impulsionar uma grande transformação no setor logístico e gerar impacto positivo para o meio ambiente.”
Hélio José Branco Matias, Diretor na Ambipar.
“A Ambipar orgulhosamente é um dos nossos parceiros de jornada na transformação do transporte em um setor mais sustentável e faz parte de um seleto grupo que grava seu nome na história do transporte de cargas pelo propósito singular de tornar o planeta menos poluído e dependente do diesel. É notória a preocupação da Ambipar com a sustentabilidade e a visão de futuro, baseada em viabilidade de dados concretos, escolhendo nossa solução que trará muitos benefícios para sua operação e dos seus clientes”, diz Silvio Munhoz, diretor geral das Operações Comerciais da Scania Brasil. “A solução a gás e/ou biometano da Scania é uma realidade viável no Brasil. Continuamos com metas ousadas e já vendemos mais de 600 unidades. O interesse cresce a cada dia”, complementa.
Para Lorena Bruni, diretora de Compras para América Latina da Dow, a iniciativa reforça o compromisso da companhia de avançar em ações e parcerias colaborativas com foco nas metas de sustentabilidade até 2050: alcançar a neutralidade em carbono e eliminar materiais como resíduos. “A colaboração é o único caminho para abordar questões complexas e essa parceria com a Ambipar irá impactar diretamente as emissões de escopo 3, geradas pelos nossos clientes e ligadas às operações da empresa, que são as mais desafiadoras de mapear e reduzir”, destaca. 
Já Ronaldo Gewehr, diretor de Logística para a América Latina da Dow, ressalta que “esses caminhões serão utilizados nas rotas de transporte entre a Dow e a Whirpool, mas a expectativa é expandir o uso de veículos movidos a GNC para o transporte de mercadorias entre a Dow e outros clientes”.
A implantação do Projeto Corredor Sustentável é resultado de um estudo feito em 2021 pela Ambipar. O inventário de emissões de gases de efeito estufa indicou que a atividade logística era grande fonte de emissões na companhia. Assim, no ano passado, a companhia revisitou sua estratégia de gestão para aumentar a eficiência da cadeia logística, melhorando processos, indicadores, ações para aperfeiçoamento da operação e adoção de novas tecnologias. Essa ação contribui com o objetivo da companhia em reduzir em 50% suas emissões até o ano de 2030.
Rentabilidade também traz sustentabilidade
Além dos novos veículos a gás, a Ambipar investiu ainda em outras 40 unidades da Nova Geração Scania, modelo R 450 6x2, adquiridos para renovação de frota. Vinte desses caminhões serão dedicados para a logística da matriz da Ambipar, em São Paulo; 15 irão atuar no polo petroquímico, atendendo a segunda unidade com maior faturamento do Grupo; e os outros cinco estarão em operações do Mercosul. Juntos, eles poderão contribuir para os objetivos de sustentabilidade, uma vez que, por apresentarem uma redução de consumo de combustível de até 20% em função das inovações e tecnologias embarcadas, as emissões de gases poluentes também são menores.
Para a Ambipar, esse foi, inclusive, um dos fatores decisivos para a recente aquisição. “Vim para o Grupo em 2011 e, aos poucos, pude mostrar para o Conselho de Gestão as especificidades e valências da marca. O investimento inicial pode até ser mais alto, mas o Scania é o caminhão que tem a melhor média de combustível do mercado, ainda incomparável com as demais marcas, e o que tem o valor de revenda acima da concorrência. Ao longo de cinco anos, por exemplo, é um veículo que proporciona uma redução de custos para a companhia”, destaca Hélio.
Tanto que, em uma frota composta por aproximadamente 300 caminhões, os sete caminhões Scania adquiridos em 2018 ainda permanecem fazendo a diferença e trazendo bons resultados de economia de combustível para a empresa. “Não costumamos ter caminhões com mais de três anos de uso, isso faz parte da política da empresa. Mas não pretendemos, por enquanto, substituir os R 450 que já tínhamos comprado. Enquanto os caminhões da concorrência, na mesma operação de transporte de produtos químicos granel - carregados 50% do trecho, pois retornam vazios - fazem uma média de 2,7%, os Scania entregam 2,9 a 3%. É uma diferença relevante”, detalha.
Vida longa à parceria
Ao que tudo indica, essa retomada é o início de um novo momento na parceria – e no casamento – dessas duas marcas que, juntas, pretendem seguir pela transformação do setor de transportes, por essa e pelas próximas gerações. “Nossa intenção é continuar com a parceria com a Scania, até porque agora estou com os 10 caminhões movidos gás e sabemos que a tendência é aumentar mais ainda esse número à medida em que vou conseguindo ter aderência dos clientes no projeto Corredor Sustentável. Também já colocamos em nosso planejamento ter mais modelos Scania em nossas renovações de frota a partir do ano que vem”, revela Hélio.
“Desde que assumimos o compromisso de liderar a transformação para um transporte mais sustentável, temos buscado parceiros que estejam nessa mesma jornada. A Ambipar é um deles, já pensando lá na frente e entendendo que os bons frutos dessa relação geram uma força ainda maior para essa parceria”, finaliza Maurício Lucena, gerente de Negócios da Scania Brasil.

Comentários

Envie seu comentário para ser publicado

Ao preencher o formulário, autorizo a utilização dos meus dados para envio de comunicações relacionadas aos meus interesses e concordo com a Declaração de Privacidade.
* Você pode revogar seu cadastro a qualquer momento.

Leia também:


A Scania é líder mundial de soluções de transporte. Juntamente com nossos parceiros e clientes, estamos liderando a transformação para um sistema de transporte sustentável. Em 2017, entregamos 82.500 caminhões, 8.300 ônibus, e 8.500 motores industriais e marítimos para nossos clientes. A receita líquida alcançou quase 120 bilhões de coroas suecas, dos quais cerca de 20% eram relacionados a serviços. Fundada em 1891, a Scania opera em mais de 100 países e emprega cerca de 49.300 pessoas. Pesquisa & Desenvolvimento estão concentrados na Suécia, com filiais no Brasil e na Índia. A produção ocorre na Europa, América Latina e Ásia, com centros regionais de produção na África, Ásia e Eurásia. A Scania faz parte da TRATON AG. © Copyright Scania 2018 All rights reserved. Scania Brasil, Av. José Odorizzi, 151 - Vila Euro, São Bernardo do Campo. SP. Tel: +55 11 4344-9333