Jornada Scania
Utilizamos apenas os cookies do Google Analytics para analisar nosso tráfego. Ao clicar em "Aceito", você concorda em dar seu consentimento para que todos os cookies sejam usados e as informações sejam compartilhadas com o Google Analytics.







[ Sustentabilidade ] -- 27/01/2023
[ Texto: Newsroom Scania / Foto e vídeo: ]

Economia circular: isso é Scania!

Conheça as soluções circulares inovadoras da unidade de produção da Scania no Brasil e veja como a empresa tem feito da sustentabilidade o pilar central de sua estratégia não só em suas relações com o cliente como também pelo lado de dentro dos seus muros
Bruno Montanheiro é responsável pela Área de Meio Ambiente da Scania Latin America e se dedica a fazer ainda mais para tornar a fábrica um grande exemplo de circularidade e sustentabilidade.“Trabalho aqui há mais de 20 anos e é realmente perceptível o desenvolvimento que vemos em termos de conscientização sobre o clima”, afirma.
Reuso de água
Um sistema de limpeza de água foi instalado na unidade durante o ano de 2022. “Queremos reduzir nosso consumo de água e tratar os efluentes geramos para que tenham a pureza necessária e possamos reutilizá-los. Até agora está indo bem, e nossa meta é atingir uma redução de 40% de água por unidade produzida”, comenta.
Ele espera que a Scania seja uma inspiração para outras indústrias da região. “Somos uma das poucas empresas locais que fazem isso. Além disso, a água que não usamos é doada para a cidade.” A iniciativa também contribui para a mudança de comportamento dos funcionários, algo importante porque quase metade do uso de água está relacionado ao consumo humano e sanitário.
Uniformes viram forro de táxi
Outra iniciativa que tem dado resultado é a transformação de uniformes antigos em feltro fenólico, uma espécie de manta que funciona como isolamento térmico e acústico nas cabines. “Antes, 70 kg de uniformes usados ??eram enviados para descarte mensalmente. Mas agora, eles têm um destino diferente.” A quantidade de uniformes, porém, não atende a demanda, mas certamente ajuda a evitar o desperdício de material e a diminuir a emissão de CO2.
Antes, grande parte dos uniformes às vezes eram doados e transformados em cobertores por outra empresa, e depois entregues a moradores de rua. Durante a pandemia, as camisas que não podiam ser usadas foram transformadas em máscaras por mulheres em situação de vulnerabilidade social. Posteriormente, a Scania comprou essas máscaras, gerando renda para essas mulheres. “Precisamos de uma boa economia circular para contribuir da maneira que pudermos.”
Mudança contínua
A Scania é signatária da Rede do Pacto Global no Brasil desde 2019 e comprometida com a Agenda 2030 e com os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A empresa também aderiu ao Pacto pela Água e Resiliência Energética para promover o acesso universal à água e ao saneamento.
“A busca pela diminuição dos impactos ambientais envolve a redução da emissão de gases de efeito estufa, mas também outros aspectos ambientais que contribuem para o equilíbrio da vida no planeta, como a redução do uso de água e da energia no processo produtivo, redução de resíduos, entre outros”, diz Montanheiro. “Há duas décadas, começamos com a reciclagem e veja o que conseguimos até agora”, conclui.
Veja como essas iniciativas acontecem na fábrica da Scania, em São Bernardo do Campo, São Paulo:

Trabalho aqui há mais de 20 anos e é realmente perceptível o desenvolvimento que vemos em termos de conscientização sobre o clima”

Bruno Montanheiro, responsável pela Área de Meio Ambiente da Scania Latin America
Uniformes viram forro de táxi
Outra iniciativa que tem dado resultado é a transformação de uniformes antigos em feltro fenólico, uma espécie de manta que funciona como isolamento térmico e acústico nas cabines. “Antes, 70 kg de uniformes usados ??eram enviados para descarte mensalmente. Mas agora, eles têm um destino diferente.” A quantidade de uniformes, porém, não atende a demanda, mas certamente ajuda a evitar o desperdício de material e a diminuir a emissão de CO2.
Antes, grande parte dos uniformes às vezes eram doados e transformados em cobertores por outra empresa, e depois entregues a moradores de rua. Durante a pandemia, as camisas que não podiam ser usadas foram transformadas em máscaras por mulheres em situação de vulnerabilidade social. Posteriormente, a Scania comprou essas máscaras, gerando renda para essas mulheres. “Precisamos de uma boa economia circular para contribuir da maneira que pudermos.”
Mudança contínua
A Scania é signatária da Rede do Pacto Global no Brasil desde 2019 e comprometida com a Agenda 2030 e com os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A empresa também aderiu ao Pacto pela Água e Resiliência Energética para promover o acesso universal à água e ao saneamento.
“A busca pela diminuição dos impactos ambientais envolve a redução da emissão de gases de efeito estufa, mas também outros aspectos ambientais que contribuem para o equilíbrio da vida no planeta, como a redução do uso de água e da energia no processo produtivo, redução de resíduos, entre outros”, diz Montanheiro. “Há duas décadas, começamos com a reciclagem e veja o que conseguimos até agora”, conclui.
Veja como essas iniciativas acontecem na fábrica da Scania, em São Bernardo do Campo, São Paulo:

Comentários

Envie seu comentário para ser publicado

Ao preencher o formulário, autorizo a utilização dos meus dados para envio de comunicações relacionadas aos meus interesses e concordo com a Declaração de Privacidade.
* Você pode revogar seu cadastro a qualquer momento.

Leia também:


A Scania é líder mundial de soluções de transporte. Juntamente com nossos parceiros e clientes, estamos liderando a transformação para um sistema de transporte sustentável. Em 2017, entregamos 82.500 caminhões, 8.300 ônibus, e 8.500 motores industriais e marítimos para nossos clientes. A receita líquida alcançou quase 120 bilhões de coroas suecas, dos quais cerca de 20% eram relacionados a serviços. Fundada em 1891, a Scania opera em mais de 100 países e emprega cerca de 49.300 pessoas. Pesquisa & Desenvolvimento estão concentrados na Suécia, com filiais no Brasil e na Índia. A produção ocorre na Europa, América Latina e Ásia, com centros regionais de produção na África, Ásia e Eurásia. A Scania faz parte da TRATON AG. © Copyright Scania 2018 All rights reserved. Scania Brasil, Av. José Odorizzi, 151 - Vila Euro, São Bernardo do Campo. SP. Tel: +55 11 4344-9333