Jornada Scania







[ Mobilidade ] -- 21/09/2020

[ Texto: 528 - Comunicação com Propósito / Fotos: Scania ]

Aos primeiros sinais, avante!

Em todos os seus segmentos de atuação, é assim que a Scania tem enfrentado o ano de 2020. Lado a lado com os clientes, a marca entrega um mundo de soluções de transporte para as estradas e contribui para a retomada da economia no mercado brasileiro.
Enfim, um respiro: a economia começa a dar sinais de melhora. E nos bastidores dessa recuperação, muitas vezes é a tecnologia que ajuda os especialistas a entender o cenário e mapear o novo caminho. Na Scania, a conectividade presente nos veículos tem cumprido esse papel, tão importante quanto auxiliar o cliente a ter mais rentabilidade e melhorar a performance dos motoristas na estrada. Quer um exemplo?
Fábio D´Angelo é Gerente de Vendas de Ônibus da Scania no Brasil e acompanha o transporte de passageiros bem de perto, seja no transporte público urbano, seja nas linhas rodoviárias, de fretamento e turismo, setores que foram muito afetados em 2020 durante a crise causada pelo coronavírus. E segundo o executivo, através da conectividade já é possível ter um olhar mais otimista para o segmento. “Por meio do acompanhamento da frota conectada, podemos constatar que estamos em uma trajetória positiva de retomada das operações em todo o Brasil. No mês de agosto, por exemplo, a média de quilometragem percorrida já atingiu 54% quando comparada com o mês de janeiro deste ano, período que tradicionalmente reflete o pico do ano. Então, podemos dizer que o segmento de transporte de passageiros está no caminho da recuperação”, explica.
Mas não são somente esses dados que mostram a confiança do setor para a retomada. “O que nos deixa ainda mais confiantes é que vem crescendo o número de negociações para entregas no segundo semestre, sendo que os primeiros lotes já estão sendo confirmados”, revela o executivo.
De acordo com Fabio, em 2019 o mercado rodoviário absorveu em torno de quatro mil chassis. Para 2020, com a mudança de cenário em função da pandemia e o grande impacto sofrido, ainda assim há a previsão de que cerca de duas mil unidades sejam emplacadas – o que não é pouco se considerarmos o contexto de crise do ano.
A boa notícia chega para aquecer o mercado e também animar quem pensou ou falou em voz alta “que saudade de viajar” durante a pandemia. Essa é uma das muitas saudades que a quarentena estendida trouxe para a vida das pessoas. E embora o momento exija cuidados, é sim possível se deslocar para passar o final de semana, feriado ou mesmo a semana – em tempos de home office, por que não? – em uma cidade diferente. Ao menos é o que o segmento de ônibus tem demonstrado.

Envie seu comentário para ser publicado


Leia também:


A Scania é líder mundial de soluções de transporte. Juntamente com nossos parceiros e clientes, estamos liderando a transformação para um sistema de transporte sustentável. Em 2017, entregamos 82.500 caminhões, 8.300 ônibus, e 8.500 motores industriais e marítimos para nossos clientes. A receita líquida alcançou quase 120 bilhões de coroas suecas, dos quais cerca de 20% eram relacionados a serviços. Fundada em 1891, a Scania opera em mais de 100 países e emprega cerca de 49.300 pessoas. Pesquisa & Desenvolvimento estão concentrados na Suécia, com filiais no Brasil e na Índia. A produção ocorre na Europa, América Latina e Ásia, com centros regionais de produção na África, Ásia e Eurásia. A Scania faz parte da TRATON AG. © Copyright Scania 2018 All rights reserved. Scania Brasil, Av. José Odorizzi, 151 - Vila Euro, São Bernardo do Campo. SP. Tel: +55 11 4344-9333