Jornada Scania







[ Soluções Financeiras ] -- 18/10/2019

[ Texto: 528 - Comunicação com Propósito / Fotos: Scania ]

Jovens de olho no futuro

A Fenatran 2019 também atraiu um público de jovens gestores da área de transportes que, de olho no futuro, embarcam em uma jornada de conhecimento em parceria com a Scania.
A história de André Rufatto Queiroz no setor de transportes começou aos 15 anos, quando ele foi trabalhar na empresa da família. Foi também por meio do trabalho que ele conheceu a esposa e há nove anos é sócio dos sogros na empresa W. Rufatto Transportes.
Atualmente à frente da gestão de uma frota de 40 caminhões, todos da Scania, André não esconde o orgulho em ser parceiro da marca. “O primeiro caminhão que compramos foi Scania. Hoje temos 40 veículos, todos focados no transporte de carga líquida, no ramo alimentício. Não transportamos químicos nem combustíveis. Somos 100% Scania”, afirma.
O empresário conta que os principais desafios à frente da gestão, que não têm relação nenhuma com a pouca idade, ao contrário, se referem aos concorrentes do mercado internacional, já que atualmente o foco da empresa é transportar para países como Argentina, Paraguai e Uruguai. “Os desafios que mais temos são os nossos competidores, que são argentinos e têm outra legislação, outra tributação. Somos também muito fortes no Paraguai, então a competição lá é com uma tributação muito menor. A gente sabe que ganha na qualidade porque o Paraguai realmente não oferece a qualidade que temos aqui, seja em implemento, seja em caminhão”, conta.
Para atender as necessidades dos clientes no Paraguai, a transportadora abriu uma empresa por lá. “E, coincidentemente ou não, lá 100% dos caminhões também são Scania, mas esses vieram todos da Alemanha”, revela, orgulhoso.
Com modelos P 360, G 360, e agora com os novos R 450, a W. Rufatto segue em desenvolvimento sob o comando do jovem, que implementa cada vez mais novas ideias na empresa, algumas delas adquiridas durante as viagens do programa NXTGen, do Consórcio Scania.
“Sempre dá para aplicar o que aprendemos nas viagens. Você toma um choque de realidade lá fora e volta querendo revolucionar o mundo. Ao mesmo tempo que você tem aquela gana de querer fazer tudo e mudar tudo, você tem que colocar o pé no chão e ver o que dá pra fazer dentro das suas possibilidades. Já implementei muitas coisas das viagens na empresa, mas gostaria de fazer muita coisa ainda”, comenta.
André já está em contagem regressiva para a próxima viagem com o grupo do NXTGen, após ter fechado durante a Fenatran 2019 mais duas cotas do Consórcio. O destino, desta vez, será a China. “A viagem já vinha sendo pedida pelos participantes. Eu fui um dos que, em todos os meus feedbacks, sempre falei da China, porque é um lugar que gostaria muito de conhecer. Quem está no dia a dia do transporte tem muita dificuldade de sair, viajar e ficar mais que 10 dias longe da empresa. Então, com a Scania proporcionando, fica um pouco mais fácil, porque acaba envolvendo um pouco mais de trabalho e a gente sai com mais tranquilidade. Fora a parceria com a marca, que já temos há alguns anos”, conclui.

Envie seu comentário para ser publicado


Leia também:


A Scania é líder mundial de soluções de transporte. Juntamente com nossos parceiros e clientes, estamos liderando a transformação para um sistema de transporte sustentável. Em 2017, entregamos 82.500 caminhões, 8.300 ônibus, e 8.500 motores industriais e marítimos para nossos clientes. A receita líquida alcançou quase 120 bilhões de coroas suecas, dos quais cerca de 20% eram relacionados a serviços. Fundada em 1891, a Scania opera em mais de 100 países e emprega cerca de 49.300 pessoas. Pesquisa & Desenvolvimento estão concentrados na Suécia, com filiais no Brasil e na Índia. A produção ocorre na Europa, América Latina e Ásia, com centros regionais de produção na África, Ásia e Eurásia. A Scania faz parte da TRATON AG. © Copyright Scania 2018 All rights reserved. Scania Brasil, Av. José Odorizzi, 151 - Vila Euro, São Bernardo do Campo. SP. Tel: +55 11 4344-9333